11 de outubro de 2010

REQUIESCAT IN PACE JOAN SUTHERLAND

.
Joan Sutherland, La Stupenda, consagrou-se como um dos melhores Sopranos que o mundo conheceu na segunda metade do século anterior de fama e condição comparada à da Callas e à  a Tebaldi, patamar que poucas atingem.

Depois de uma longa vida rica de experiências e de conhecimento e de um largo e inestimável contributo para a cultura mundial subiu na noite passada ao Parnassus para ocupar o seu lugar na sedia das cátedras mais elevadas do panteão das celebridades líricas.

Para além de toda a sua abordagem ao repertório (árias, ariettas  e cançonetas, sempre de boa e agradável audição, terapia recomendada à melancolia) destaco nas minhas predilecções a sua Norma, Amina, Violetta, Lucia, Lucrezia, Marguerite d'Anjou e o delicioso tape Io non son piú l'Anetta de Ricci.

.

6 comentários:

FanaticoUm disse...

Nunca tive a sorte de ouvir ao vivo "La Stupenda". Mas foi com ela que aprendi a gostar de ópera, sobretudo do belcanto. Hoje, ninguém canta como a Sutherland, uma das maiores de sempre que nunca será esquecida. Tenho várias gravações dela, mas há uma velhinha, em CD de 1959, que tem a famosa cena da loucura da Lucia que nunca ninguém igualou. Oiço-a, pelo menos, uma vez em cada mês. E continuarei a fazê-lo porque, para um amante do belcanto, é insuperável!

Bartolomeu disse...

@FanaticoUm,

a minha juventude não me permitiu o mesmo. Porém tive o privilégio de assistir em directo à sua gala de despedida que a RTP transmitiu juntamente com um documentário sobre a sua carreira recheado dos tapes que hoje encontramos no YouTube. Foi amor à primeira vista e é uma das cantoras que mais admiro.

Obrigado pela sua visita e testemunho.

Bem haja

Maionese disse...

é uma voz que adimro muito, mas neste momento ando quase obcecado com a rosana lamosa! que voz! que presença!

Bartolomeu disse...

@Maionese,

tive a oportunidade de ouvir a Rosana Lamosa em São Carlos no papel de Cecilia no Guarany do Carlos Gomes. É uma interessante voz de feição generosa de agradável presença e é uma pena que não se conheça muito mais dela.

Bem hajas

Salete Cattae disse...

Maravilhosa!

Estou aprendendo com vc à gostar de boa música.

bjs

Bartolomeu disse...

@Salete Cattae,

a boa musica é uma linguagem universal que não precisa de traduções.

Obrigado por estar a gostar.

Bem haja

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails