10 de julho de 2009

FLOR COLHIDA E QUE AINDA VIVE




Era belo o seu sorriso
Resplandecente a sua alvura
Fleuma de turbulências
Pasmo de maravilhas!

Não lhe toquei por medo
De perder doce visão
Esta foto fiz e guardei.
Que bela recordação!


2 comentários:

o Nosso cAstelo disse...

adorei a imagem, fazes um efeitos fantasticos com as flores...e as palavras, têm um quê de terno e naif. um bj

(nao sei pk tens etiqueta - poema parvo lololol)

Bartolomeu disse...

Ora Princesa,

coisas de rapazes de 30 anos!

Eh eh eh...

Bj


Bartolomeu

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails