4 de maio de 2009

O TERÇO PARA TÓTÓS!





Admitindo que nos dias que correm, e para as novas gerações - e não só -, que um terço não seja mais que um cordão de plástico ornamentador que se usa para sair à noite, fica aqui a menção do seguinte:

Terço é um objecto religioso e será mais correcto designa-lo por Rosário, dado a origem da palavra significar coroa de rosas que se oferece a Maria.

Como objecto religioso foi inventado para ajudar a contar as orações que se dedicavam a Maria e a Jesus, remontando ao ano 800 o seu aparecimento.

Em 1206 ganhou a sua forma actual, atribuída a S. Domingos e à visão que recebera da Virgem, na qual, esta empunhando o dito Rosário, o entregava a este monge recomendado como arma de fé.

Em 1365, foi abreviado para 150 Avé Marias e 15 Pai-Nossos iniciando cada dezena. Em 1500, as 15 dezenas foram dividas em 15 mistérios, nos quais se contemplariam a vida de Jesus.

As aparições marianas ocorridas em todo o mundo, nos últimos 150 anos, apelam fortemente à prática do Rosário. A irmã Lúcia introduziu nele, de acordo com a mensagem de Fátima, uma breve oração que se segue a cada Glória, antes da evocação de jaculatória Mariana final de cada mistério.

Recentemente, o Papa João Paulo II reformou o Rosário Católico acrescentando-lhe um novo terço. Assim aos mistérios Gozosos, Dolorosos e Gloriosos foram acrescentados os Luminosos.


* * * * * * *


Posto isto, é adquirir um Rosário. Existem estes objectos em variadíssimas formas, materiais e cores - desde o formato tradicional do fio, ao anelar e de pulseira.

Depois é aproveitar os momentos ociosos para a prática da recitação do Rosário, que leva cerca de 30 minutos a executar - pode rezar-se andando na Rua, no Metro, no Comboio, no Cacilheiro, no Avião ou a Conduzir, em filas de esperas e longas viagens solitárias - como recurso ao uso do telemóvel e seus "caros" riscos (por enquanto, não há lei que proíba rezar a conduzir) .

Para quem não está a achar nada, mas mesmo nada do contexto do que aqui se fala, e seja desprovido da ideia de rezar um terço, recomenda-se que experimente ouvir em qualquer dia útil da semana, ás 18h30m, na Rádio Renascença, Rádio SIM, TV e Rádio Canção Nova e Telepace a transmissão do terço quotidiano emitido a partir da Capelinha das Aparições de Fátima.



Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails