3 de fevereiro de 2009

AINDA POR AZEITONAS E OUTRAS FRITURAS:


Como um cena ingénua e burlesca
aterrorizou a mente do pequeno rapaz!



THE FEARLESS VAMPIRE KILLERS
ou
POR FAVOR NÃO ME MORDAS
NO PESCOÇO


Roman Polanski
1967





Não foi no dia de N. Sr.ª das Candeias,
mas num dia em que se escolhia Azeitona.


A mãe, cautelosa com a sugestiva sensibilidade do pequeno Bartolomeu, proibiu-o determinantemente de ver o filme, que era de terror. Obrigando-o a deitar mais cedo, em noite invernal, saiu para o serão do quintal onde se escolhia azeitona. O Pai, em frente ao televisor, condescendente deixou-o ver o filme, qual educador cultural sem tabus.

Frito de medo, sentia terror e tremia de ansiedade. Após esta cena, amedrontado, agarrou-se à mana que o foi denunciar à mãe. Bartolomeu, com os nervos em franja, desistiu de o ver
e correndo a todo o vapor enfiou-se debaixo dos lençóis, temeroso de outro horror maior - a mãe alvoraçada!

Cita-se neste filme ainda a hilariante cena do Baile, só vista anos mais tarde!


1 comentário:

Zé miguel disse...

Gostei do excerto!
Boa escolha para aqui ser tratada!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails