3 de janeiro de 2009

OS BENEDICTUS DE BENEDICTUS XVI - UNS SAPATINHOS NA CHAMINE!



Manolo Blahnik for man

Fonte não oficial da Igreja de Roma, informou que Sua Santidade é grande admirador dos famosos Manolo, que muito lhe apraziam ver na série THE SEX AND THE CITY.

Na sua visita aos Estados Unidos, sigilosamente, numa audiência privada, adquiriu os preciosos sapatos ao famoso sapateiro em troca de indulgências, para não ofender materialmente a Santa Madre Ecclesia - naquela que ficou como a mais secreta nova aliança entre a Santa Ecclesia e esta Nação.

Consta ainda que os usando em certa celebração na Basílica de São Pedro, atrapalhado com os atacadores, tropeçou e escorregou no marmóreo pavimento São Pedrino.



Preterindo-os então pelos Prada, mais adequados, protagonizou aquele que ficou conhecido como o premiere scandal papal em proporções Cor-de-Rosa.



Não temos nada contra os gostos de Sua Santidade. Na realidade ele é um homem italianizado respeitando todos os seus predecessores, que em épocas passadas, remotas e antigas foram homens e intelectuais que lançaram modas e costumes bem actuais. Afinal a revista Esquire designou-o como um dos homens mais vestidos do mundo. A mesma revista corrobora ainda que não se trata de vaidade, mas tradição pois: "O Papa não veste Prada, mas Cristo!"


O bom gosto é uma forma de arte; é uma forma de admiração; é uma forma de orgulho para os fiéis; é uma forma de sedução e conversão... e já agora, para um tal representante da Igreja, que outros sapatos seriam mais dignos de tão beatos pés? Serão mais representativos uns CAMFORT? Uns ALDO?

Não se trata de vaidade mas de praticidade. Muito honestamente não gostaria de ver o meu representante espiritual trajando de qualquer maneira, tal como creio que Jesus no seu tempo também não trajava de qualquer maneira! Sejam Manolo ou Prada, interessa que o nosso guia espiritual seja exemplo fashion de bom gosto, classe e simplicidade!

A sua homilia pregou contra a pobreza. A pobreza em todas as suas vertentes como opositora da dignidade do homem. A bíblia ensina: Quando estiveres triste fecha-te no teu quarto e chora. Nunca o mostres em publico. Em publico lava o rosto, veste o teu melhor fato e enche a cabeça de perfume, evitando a fraqueza nas mais duras provações!



As Santas das Aldeias vestidas de esplendor, brocados, rendas, bordados, mantilhas e véus e ornamentadas de jóias e ouro são o nosso maior orgulho quando as vemos passar nas procissões. Causa que nos faz sentir dignos de sermos seus filhos; causa que nos faz derramar uma lágrima de tamanha comoção; causa que nos leva à introspecção e reconhecermos nossos erros e pecados. Será que esfarrapada, despenteada e de aspecto pobre e miserável nos causaria o mesmo efeito? Certamente nem nos dávamos conta da sua passagem e uma lágrima seria mais por compaixão delas do que de nós!



A restante colecção:



Blue
, as cores de Maria, para as Solenidades Marianas.
Sandalia tigreze, força e coragem, para as visitas ás missões africanas.
Rosso, cor do sangue dos martires, para as cerimonias oficiais.


São realmente pés abençoados!
Bem-aventurado seja o beato Papa "vintage", pelo menos por ousar.

Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails