25 de novembro de 2008

AVÉ MARIA


~ Musica ~

Percy Benedict Kahn
(1880 - 1966)

~ Tenor ~
Enrico Caruso
(1873 - 1921)

~ Violinista ~
Misha Elman
(1891 - 1967)

~ Pianista ~
Percy Benedict Kahn


Avé Maria, Kahn (1913)

Exemplo bonito de um kitsch enternecedor.
Ouçamos em silêncio e meditação esta Avé Maria Carusiana,
como indulgência ou favor à sua salvação,
já que para nós será ele instrumento de catarse ao o nosso alívio e bem-estar espiritual.


Ave Maria, gratia plena
Dominus tecum
Benedicta tu in mulieribus
Et benedictus fructus ventris tui Jesus
Sancta Maria, Mater Dei,
Ora pro nobis pecatoribus
Nunc et in hora mortis nostrae
Amen.


A par das celebérrimas melodias de Schubert e Gounod, em todas as épocas achamos inúmeras composições musicais deste texto, principalmente no séc. XIX e XX - dada a propagação da imprensa musical, da discografia e da popularização do Cantor lírico enquanto estrela de concerto e de discos – que executa para além de Árias de Ópera: Canções e Motivos Sacros.


O séc. XIX foi bem pródigo nestas melodizações, assaz Vitorianas – da qual Paolo Tosti é o seu maior representante. Musica doce, melada, sentimental e lacrimejante, fabricada para expor as proezas vocais do seu executante e produzir, deleitadamente nos ouvintes, o desvanecimento de lágrimas e o arrebatamento da alma.





Sem comentários:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails